Parque Ecológico de Mariana com Energias Limpas

Parque Ecológico do Cruzeiro: preservação ambiental, cultura e saúde

Outubro/2016

Um projeto para requalificar o Parque Municipal da Estância Ecológica do Cruzeiro com energias limpas e renováveis vai ser apresentado à Secretaria de Meio Ambiente da Prefeitura Municipal de Mariana/MG. Isso significa recuperação, preservação ambiental e mais saúde para os marianenses.

Tudo começou quando, em setembro/16, o fotógrafo Mário Barila procurou a ONG Verde e indagou se desejamos fazer parceria com ele e intermediar o plantio de quinhentas mudas de exemplares da Mata Atlântica, no município de Mariana.

Barila é paulistano e fotógrafo profissional. Ele explicou que as mudas doadas representam fotos vendidas em exposições: cada imagem é trocada por 50 (cinquenta) mudas de árvores, as quais o comprador pode retirar e plantar como quiser ou deixar a cargo de algum projeto – caso de Mariana.

Pela importância do gesto, a ONG Verde foi a Mariana e contatou o secretario de Meio Ambiente do município, Rodrigo Carneiro, para oferecer o plantio dessas mudas. A partir de conversas sobre o melhor local para plantio e da existência de um parque dentro da área urbana da cidade, o qual a Prefeitura desejava a sua requalificação, a ONG resolveu ir além da doação das mudas.

Sabemos que já existe, no âmbito da Prefeitura, projeto para requalificar o parque. Mas, passados alguns anos e considerando a realidade financeira das prefeituras, a ONG Verde, especialmente, para o caso de Mariana, pretende promover uma ação coletiva, buscando parceiros importantes para elaborar um projeto que seja capaz de transpor os obstáculos financeiros e burocráticos e chancelar o projeto com a aprovação da comunidade marianense”, declarou a diretora de Projetos da ONG Verde.

Confirmando os contatos, o fotógrafo Mário Barilla chegou com as quinhentas mudas em Mariana (19/10) e cumpriu a doação. A fornecedora das futuras árvores é o Viveiro de Mudas da Mata atlântica Viva Floresta (www.vivafloresta.org).

Parque Ecológico do Cruzeiro pode beneficiar turismo com mirante

Da esquerda para a direita, a representante da ONG Verde, Céu; o fotógrafo Barila; o secretário de Meio Ambiente, Rodrigo Carneiro e os agentes públicos Alex, Carla  e Rogéria

Com a presença do fotógrafo Barila, os coordenadores da ONG Verde, Vicente e Céu, fizeram reunião (21/10) com o Secretario Rodrigo e outros agentes públicos da Secretaria para tratar sobre o “pontapé” inicial dessa ação que representa uma das propostas do prefeito re-eleito, Duarte Júnior.

Depois de reunir outros coordenadores da entidade, a ONG Verde pretende apresentar um cronograma de elaboração desse projeto em breve para a Secretaria de Meio Ambiente de Mariana, com energias limpas e renováveis.

A ONG Verde vai articular com a UFOP (Universidade Federal de Ouro Preto) para que o plantio, manejo e o acompanhamento das mudas sejam realizados por alunos dos cursos de Meio Ambiente e Biologia, dentre outros da universidade.

No local do parque é possível avistar quase toda a cidade de Mariana

Topo de morro vai receber árvores e benfeitorias para beneficiar comunidade de Mariana, cidade histórica de Minas Gerais

Viveiro municipal de Mariana recebeu as 500 mudas da Mata Atlântica

O fotógrafo Barila e o secretário de Meio Ambiente de Mariana, Rodrigo Carneiro, no momento da entrega das mudas no viveiro municipal 

As quinhentas mudas estão no viveiro administrado pela Prefeitura de Mariana e aguardam o plantio, após a definição de projeto pela Secretaria de Meio Ambiente.

Confira listas com nomes e quantidade dos exemplares:

Pimenteira (30); Rapanea guyanensis – capororoca-branca (30); Lafoensia pacari – dedaleiro (30); Cecropia glaziouzi – embaúba-vermelha (30); Colubrina glandulosa - saguaraji-vermelho (30); Citharexylum myrianthum – pau-viola / tucaneiro (30); Anadenanthera colubrina – angico-branco (30); Tabebuia chrysotricha – ipê-amarelo / cascudo   (30); Tabebuia roseo alba – ipê-branco (30); Tabebuia heptaphylla – ipê-roxo-de-sete-folhas( 30); Psidium guajava – goiabeira (40); Euterpe edulis – palmito-juçara (40); Albizia niopoides – farinha-seca (40); Eugenia uniflora – pitanga (40); Psidium cattleianum – araçá (40).

Confira, abaixo, fragmento de Mariana e outras imagens do fotógrafo Mário Barila

Foto: Mário Barila
Foto: Mário Barila
Foto: Mário Barila
Foto: Mário Barila